Isekai Tensei Soudouki - Vol 1 - Prólogo(Parte 4): Alma Reencarnada

Atualizado: 21 de Set de 2021

Tradutor: Reik


Pétalas de sakura vibrantes dançavam na frente dos olhos de um velho que estava deitado em sua cama.


Seu olhar mudou da sakura que foi plantada sob a torre do Castelo de Inawashiro a oeste. Lá estava a superfície do Lago Inawashiro, que ostentava um tamanho proeminente mesmo em todo o Japão.


Esta região era o centro do governo de Sendo, localizada em Aizu sob o governo do Clã Gamou. Foi entregue às mãos de um velho general do período dos Reinos Combatentes.


O nome desse general era Oka Sanai Sadatoshi.


Ele era um velho general que lutou nos campos de batalha como se fosse sua segunda casa até que sua idade passou dos 70.


Sanai passou a maior parte de sua vida na guerra. Ele pensou que o ataque ao Castelo de Osaka seria sua última grande batalha. Ele estava determinado a fazer daquela batalha seu lugar de morrer.


No entanto, por causa da interminável discórdia interna, o Clã Gamou ao qual ele servia foi nomeado para ser o zelador de Edo (guarda do Castelo de Edo). O velho general perdeu seu grande momento como samurai para a eternidade.


A coisa que o sustentava até agora se foi. Percebendo isso, Sanai seguiu o comando do destino e deitou seu velho corpo para descansar.


Mesmo seus braços grossos, que poderiam facilmente empunhar uma lança como se fosse uma pena, estavam emaciados agora. Os numerosos contos de heroísmo que decoravam a vida do velho general se tornariam coisas do passado.


Sanai não tinha mais lugar a que pertencer neste mundo pacífico sem guerra.


Sentindo sua morte iminente, Sanai distribuiu tudo o que possuía para seu senhor e seus conhecidos.


A fortuna de Sanai, que era famoso como avarento, facilmente ultrapassou 30.000 ryo. Era uma quantia que poderia rivalizar com o orçamento anual de uma pequena prefeitura, mas com a presença da morte pairando sobre ele, Sanai distribuiu tudo sem qualquer arrependimento.


Aqueles que sabiam como ele era avarento com relação a dinheiro eram completamente incapazes de acreditar o quão gracioso ele estava agindo.


(Acumulei riqueza por nenhuma outra razão senão a guerra. Preservar a fortuna para poder enfrentar a guerra a qualquer momento é a maneira de pensar de um guerreiro. No entanto, a Era a partir de agora se tornará aquela em que será governada pelo princípio de um mundo sem guerra.)


Quando ele fechou os olhos, uma visão que ele não conseguia esquecer se formou no fundo de sua mente.


**


Nos bastidores da batalha fatídica de Sekigahara, outra batalha que contestava o direito de governar Oushuu estava se desenrolando com uma pequena vila em Tohoku como palco.


Fukujima que era governada por Kagekatsu, o sucessor do deus da guerra Uesugi Kenshin, foi atacada pelo dragão caolho Date Masamune. Essa batalha foi chamada de Batalha de Matsukawa.


O exército de Uesugi, que era inferior em número, empregou um grande número de ronins corajosos. Eles corajosamente saíram para enfrentar o exército de Date.


A figura de Sanai em seus dias de outrora também estava entre as cavalarias que estavam brandindo sua lança e derrotando o exército de Date.


「Oho, então existe um oponente digno aqui.」


Havia um guerreiro cavalgando belamente. Era claramente um cavalo esplêndido para quem tinha olhos perspicazes. O guerreiro empunhava sua lança diante dos olhos de Sanai.


Diante do guerreiro que usava uma armadura simples que contrastava fortemente com seu belo cavalo, Sanai estava convencido de que havia encontrado uma boa presa para se tornar a prova de seu feito de armas.


Cavaleiro e cavalo como um só corpo, como dizia o ditado, um cavalo era muito mais precioso do que uma armadura para um cavaleiro. No campo de batalha, o cavalo era a outra metade do guerreiro, que era mais precioso do que qualquer outra coisa.


Um guerreiro que montava um cavalo tão bom deve ser um general renomado, sem dúvida.


**


「UOOOOOOOOOOOOOOOOHH」


**


Sanai fez seu cavalo correr com um grito alto.


Essa foi uma memória extremamente frustrante que Sanai não conseguiu esquecer por toda a vida.


O proprietário deste belo cavalo era ninguém menos que o próprio Masamune. Sanai só soube disso mais tarde e só conseguiu cerrar os dentes de ressentimento.


Se ele soubesse disso, ele absolutamente não teria deixado aquele inimigo fugir!


**


「Masamune-dono, prepare-se!」


Exatamente, desta vez ele não o deixaria escapar. Mesmo se ele tivesse que dar sua vida, a cabeça de Masamune definitivamente se tornaria...


**


「...... Meu senhor, como está se sentindo? Meu Senhor?


Quando o servo de Sanai veio trazer remédios para seu senhor, o sobrevivente do período dos Reinos Combatentes Oka Sanai parou de respirar silenciosamente com um sorriso satisfeito.


O velho general que dedicou a maior parte de sua vida à guerra continuava a sonhar correndo pelo campo de batalha, até o momento de sua morte.


Fim do prólogo. Deixe seu comentário e cadastre seu email no site.
4 visualizações0 comentário

Contate-me pelo Discord