Divindade: Contra o Sistema Divino - Capítulo 152: Esmi está aqui?

Tradutor: Ydominuss


Rale e os outros também olharam para trás de Ryder quando ouviram o barulho vindo de lá.


Eles perceberam que o som vinha do pequeno lago que estava atrás deles.


O Gelo que parecia inquebrável até agora estava rachando. Pequenas rachaduras estavam se desenvolvendo nele que se espalhavam por toda parte nos arredores.


"O que está acontecendo?" Ryder murmurou quando viu as rachaduras cobrindo cada canto do lago congelado.


"Não parece certo. Por que está rachando agora?" Rale soltou com uma carranca no rosto.


"Não faço ideia. O livro não menciona nada sobre o lago congelado. Definitivamente surgiu depois que ele saiu", respondeu Ryder.


O General Vampiro apenas olhou para eles confuso, imaginando sobre o que eles estavam falando. Que livro?


"Pode ser apenas uma reação atrasada depois que ele caiu no gelo. Isso acontece às vezes", disse Ryder.


Ele ignorou o lago e voltou a olhar para Viden.


"Voltando ao assunto. Vampiro General Viden, o que você acha que devemos fazer com você?" Ryder perguntou ao Vampiro.


"Me mate! Até a morte é melhor do que ser capturado por você!" o general vampiro respondeu ferozmente.


"Você teve um caso com alguém do Reino Demoníaco no passado?" Ryder perguntou apenas para ter certeza de que Viden não era o pai da garota que estava esperando em seu reino.


"Cheh, eu prefiro morrer do que ter um caso com alguém do Reino Demoníaco!" o General Vampiro declarou resolutamente.


"Bom. Isso torna mais fácil. Ainda não podemos matá-lo, ou os outros vampiros reais serão capazes de sentir que matamos um vampiro se estivéssemos próximos. Isso pode ser problemático durante nossos futuros empreendimentos, não significa que você não pode morrer", disse Ryder, sorrindo.


"Rale, retire a mão e as pernas dele, e vamos ver o que acontece quando um vampiro é morto pelos espectros. Pode ser uma boa experiência", disse ele a Rale.


Rale acenou com a cabeça enquanto agarrava a mão do General Vampiro e a arrancava.


"Você tem cura rápida, mas eu não acho que você possa regenerar seus membros", Ryder murmurou.


Rale continuou e rasgou seus braços e pernas.


"Vamos continuar em frente. Jogue-o como um escudo quando encontrarmos os espectros", disse Ryder a Rale.


"Sim, Sua Alteza," Rale disse com um sorriso brilhante no rosto.


Ele podia ver um vislumbre do Imperador Demônio Salem nas decisões de Ryder. Ele não pegou leve com Viden e também não se perdeu em raiva, o que deixou Rale ainda mais impressionado.


Eles deixaram o lago e continuaram em direção às profundezas do Vale das Almas Errantes.


***


A quebra do gelo no lago continuou mesmo depois que eles partiram, junto com o derretimento.


Depois de algumas horas, uma mão saiu de uma dessas rachaduras. A mão parecia podre, mas tinha carne. Não parecia um espectro. Após a primeira mão, outra mão saiu de uma fenda diferente.


***


Ryder e sua equipe continuaram na frente. Rale ainda tinha Viden em suas mãos.


"Onde estão todos os espectros quando precisamos deles?" Ryder murmurou com um sorriso irônico no rosto.


Depois de mais alguns minutos, eles viram alguns espectros vindo em direção a eles.


"Rale, jogue-o", ordenou Ryder.


Rale acenou com a cabeça enquanto jogava o corpo de Viden em direção aos Espectros.


Mesmo que os espectros fossem as formas espirituais, eles eram especiais, pois podiam tocar os outros. Eles também comeram os corpos dos que encontraram.


Assim que o corpo de Viden foi jogado na direção dos Espectros, eles ignoraram todo o resto enquanto se moviam em direção a Viden.


O corpo de Viden estava sendo comido lentamente, mas ele não podia fazer nada. Sua cura foi mais lenta do que a taxa que seu corpo estava sendo devorado. Mesmo estando com dor, o General Vampiro ainda não fez nenhum barulho de dor. Ele não queria dar satisfação ao inimigo permitindo que o vissem gritar.


Depois de algum tempo, mais espectros chegaram lá. Eles também miraram no Vampiro General.


Logo, o Vampiro General foi totalmente devorado. Nem mesmo o único resto de seu corpo foi deixado para os outros verem.


"Eu não gosto que tivéssemos que matá-lo dessa maneira, mas essa era a única maneira. Não podemos estragar a relação entre o Reino Demoníaco e a Região dos Mortos-Vivos deixando você ir. Havia muito em jogo, " Ryder murmurou enquanto olhava para o lugar onde o Vampiro costumava estar.


Ele ergueu o arco e disparou uma flecha na direção dos espectros. Agora que os Espectros haviam feito seu trabalho, eles decidiram limpá-los.


Logo, os espectros também foram exterminados sob a enxurrada de ataques.


Ryder continuou em frente com sua equipe. Rale havia escondido suas asas mais uma vez e selado seus poderes novamente.


"Não há ninguém aqui. Por que você está mantendo isso lacrado?" Ryder perguntou a Rale.


"Eu estou mais confortável assim, Alteza," Rale respondeu.


Eles viajaram durante todo o dia. A Região Interior também não representava muita ameaça para Ryder e sua equipe, já que eles tinham Rale, que era tecnicamente um dos seres mais fortes do Reino Demoníaco.


Ryder nem sabia qual era o nível de Rale, mas assumiu que era superior a mil.


Eles chegaram ao final da Região Interior bem quando era noite. Havia outra Caverna de Proteção entre a Região Interior e a Região Núcleo.


Ryder decidiu passar a noite lá dentro, pois era um fato conhecido que os seres dentro do Vale das Almas Errantes eram mais fortes à noite. Ele não queria lidar com o Guardião do Vale das Almas Errantes durante a noite.


Entraram na caverna. Ao contrário da última caverna, esta caverna estava completamente vazia e também não estava escondida por pedras.


Ryder disse a Rale para cuidar de todos antes de sair da caverna. Na época, todos estavam familiarizados com o hábito de Ryder de dormir em um espaço diferente. A maioria dos caras ficaram surpresos que existia um tesouro como este.


Ryder acordou no mundo real e tirou os Óculos Divinity e se sentou.

*Bocejo*


"Hoje, não tenho nada grande para fazer. Só vou ficar com preguiça em casa e descansar. Acho que mereço uma pausa antes de voltar para as outras missões", ele murmurou com um olhar relaxado no rosto enquanto esticou os braços.


Ele estava prestes a sair da cama quando recebeu uma notificação de mensagem.


Ele pegou o telefone e viu a mensagem, que foi o suficiente para fazer seu rosto perder a cor.


A mensagem era de Esmi que dizia que ela estava indo para a casa dele e que estaria lá em um minuto.

7 visualizações0 comentário

Contate-me pelo Discord