Academia de Magos de Elite - Capítulo 97: Gu Chengyun

Tradutor: Ydominuss Revisor:Crat

A irmã mais nova de Gu Xiaoyue chamava-se Gu Chengyun. Xiao Lin quase não tinha mais tempo, mas felizmente não demorou muito para que ele a encontrasse. Assim que chegou à academia de belas artes, Xiao Lin perguntou a uma pessoa aleatória sobre ela e conseguiu encontrá-la diretamente.


“Gu Chengyun? A paralisada que foi admitida na academia este ano! Claro! Quem nesta escola não a conhece! Quem é você para ela? "


“Sou amigo da irmã mais velha dela. Pediram-me para entregar algo. ”


"Oh. Ela tem uma irmã mais velha?” A garota alta que falou provavelmente conhecia Gu Chengyun e baixou a guarda um pouco depois de ouvir o que Xiao Lin disse.


“Sim, elas eram dependentes uma da outra desde que eram jovens e é uma pena também. A irmã dela está muito ocupada e não pode vir por enquanto”, explicou Xiao Lin vagamente, tanto quanto sabia.


A garota alta realmente acreditava nisso. “Eu sou sua colega de classe. Eu vou te levar lá.”


Assim que eles viram Gu Chengyun no corredor próximo ao estúdio, a garota se aproximou e empurrou a cadeira de rodas de Gu Chengyun. Xiao Lin ficou bastante atordoado por um momento quando viu Gu Chengyun. Ele quase pensou que estava olhando para Gu Xiaoyue; as duas cuspiam imagens uma da outra. A única diferença era que Gu Chengyun não usava óculos, mas mesmo assim era muito bonita. Ela não era a mulher estereotipada bonita, mas um único olhar para seu temperamento delicado e brilhante era realmente uma visão inesquecível.


"Quem é Você? Você realmente tem uma carta da minha irmã?” A primeira reação de Gu Chengyun foi de grande cautela e suspeita quando viu Xiao Lin.


Xiao Lin não disse muito e entregou a carta diretamente a ela. Gu Xiaoyue disse que a carta foi escrita em uma linguagem secreta. Desnecessário dizer que era uma coisa sem sentido que apenas ela e sua irmã entenderiam.


Com certeza, as dúvidas de Gu Chengyun foram aliviadas depois que ela abriu e viu o conteúdo da carta. Seu conteúdo não era extenso e parecia ter cerca de uma página. A garota leu muito devagar, porém Xiao Lin não pôde evitar se inclinar silenciosamente para dar alguns olhares. Ele não pretendia espiar, mas suas ações foram feitas por puro interesse na chamada linguagem secreta.


A carta estava cheia de palavras semelhantes a girinos. Cada palavra estava distorcida, inclinada ou de cabeça para baixo, mas não parecia ter sido escrita aleatoriamente. Parecia exatamente como as palavras deveriam ser.


O pescoço de Xiao Lin estava dolorido de tanto espiar, mas ele nem mesmo reconheceu uma palavra.


“Tio, diga-me se quiser ver. Eu não disse que não mostraria para você.”Gu Chengyun de repente ergueu os olhos. Seus olhos brilhantes piscaram e ela comentou alegremente com uma voz que lembrava um sino de prata.


Xiao Lin retraiu o olhar. “Eu não gosto de ler cartas de outras pessoas. E eu NÃO sou um tio!”


"Você não consegue entender, não é?" Gu Chengyun sorriu. Ela era muito animada, ao contrário de Gu Xiaoyue, que costumava ser muito insensível. Embora Gu Chengyun estivesse paralisada, o sorriso brilhante em seu rosto era muito genuíno.


Gu Chengyun inclinou a cabeça de maneira fofa e disse: “Na verdade, estou muito curiosa. Você realmente conhece minha irmã? Não suspeito de você nem nada, mas ainda não consigo acreditar que alguém como minha irmã realmente pediu ajuda a alguém. E estou ainda mais surpreso que alguém se dispôs a ajudá-la! ”


A boca de Xiao Lin se contraiu após ser ridicularizado e sorriu ressentido. “Não acho que haja ninguém na China que seria tão bobo a ponto de escrever cartas em uma linguagem tão enigmática.”


A garota riu um pouco. “Na verdade, também não sei que texto é. Papai nos ensinou quando éramos jovens e nós aprendemos.”


A declaração dela entrou em conflito com a imaginação de Xiao Lin de seus pais morrendo desde a infância, então ele perguntou casualmente: "O que aconteceu com seu pai então?"


O sorriso no rosto de Gu Chengyun desapareceu por um instante e ela disse sem rodeios: "Ele morreu!"


Xiao Lin se lembrou de Gu Xiaoyue mencionando que elas não tinham pais, então ele rapidamente se desculpou com Gu Chengyun. Apesar disso, a expressão da garota não parecia melhorar. Xiao Lin ficou um pouco envergonhado e rapidamente perguntou sobre a situação atual de Gu Chengyun, como quais dificuldades ela pode ter em sua vida e se ela precisa de pessoas para cuidar dela, mas depois de lembrar que GuChengyue havia doado 20 milhões de yuans para aquela academia de artes, Xiao Lin considerou esses tópicos irrelevantes ...


Gu Xiaoyue falou apenas brevemente sobre as riquezas de sua família, mas em vez de serem ricas no sentido comum da palavra, elas podiam ser consideradas Miss Perfeitas porque eram justas, ricas e lindas!


Xiao Lin não sabia de que outra forma continuar a conversa; ele sabia muito pouco sobre Gu Xiaoyue. Além disso, ele não era bom em bater papo com as meninas, então se preparou para ir embora, pois já havia entregado a carta. Gu Chengyun jogou o cabelo para trás e recuperou um sorriso fraco. "Desculpa. Acabei de me lembrar de algumas coisas desagradáveis. Como está minha irmã?”


"Bem, ela está bem, mas ela pode não ser capaz de ver você por um tempo."

"Estou acostumada com isso." Gu Chengyun não parecia se importar e parecia não mostrar nenhuma indicação de falar muito sobre sua irmã. Xiao Lin teve que desistir de fazer mais perguntas, apesar de sua intenção de tentar descobrir sobre a vida de Gu Xiaoyue e verificar se a menina tinha alguma doença terminal ou câncer.


“Você veio até aqui para me enviar a carta e não tenho nada a agradecer. Vou te dar uma pintura que acabei de desenhar.”


Xiao Lin pensou um pouco e acrescentou. "Certo. Posso trazer de volta e mostrar para sua irmã para provar que eu realmente entreguei a carta.”


“Então eu vou autografar para você! He he. Você pode até leiloar a pintura quando eu me tornar uma grande pintora!”


Ela era uma garota despreocupada, de fato, e se Xiao Lin não notasse sua cadeira de rodas de vez em quando, seria difícil imaginar que suas pernas estivessem paralisadas desde que ela era jovem. Xiao Lin a respeitou por isso. Ele empurrou a cadeira de rodas dela para dentro do estúdio novamente enquanto sorria e respondia: "Claro."


A estátua da liberdade foi pintada na prancheta da menina. Xiao Lin olhou para ela por um tempo e a elogiou: “Parece tão real. Suas habilidades são incríveis.”


“Sonho em viajar pelo mundo desde criança, mas também sei que minhas pernas são problemáticas, então não vou incomodar minha irmã mais velha. É bom o suficiente para que eu seja capaz de mostrar ao mundo com meu papel de desenho.”


Xiao Lin ficou em silêncio por um momento e não continuou mais com o tópico um tanto deprimente. Em vez disso, ele apontou para o céu no papel de desenho e disse:

"Isso é chuva?"


"Não, é granizo!"


“Por que você pintou a Estátua da Liberdade com granizo? Essas pedras de granizo também parecem muito grandes.”Xiao Lin estava muito curioso.


Gu Chengyun franziu os lábios e balançou a cabeça. "Eu não sei. Sempre imagino o assunto em minha mente antes de pintar. Quando peguei a caneta hoje, a Estátua da Liberdade em uma tempestade de granizo apareceu de repente em minha mente, então eu a pintei.”


Esse motivo era forte o suficiente e Xiao Lin não tinha palavras para descrevê-lo.


Devido ao seu tempo limitado, Xiao Lin pegou a pintura e não pôde ficar mais. Depois de se despedir de Gu Chengyun, ele correu para o aeroporto sem parar no caminho. Quando ele contatou Song Junlang, ele descobriu que este estava esperando há muito tempo com Hank.


Xiao Lin correu todo o caminho até eles, ofegando enquanto perguntava: "Eu não perdi o voo, perdi?!"


"Não importa. É um voo fretado de qualquer maneira.” Song Junlang apontou para o americano ao lado dele e acrescentou: “É o dinheiro deles”.


“Desculpe interromper suas férias, mas infelizmente, acabei de receber uma mensagem de nosso QG. Já chegaram pessoas de várias outras academias e nós somos os únicos que sobraram. Eles já estão nos apressando.” Hank aproximou-se de Xiao Lin, apertou a mão dele e pediu desculpas educadamente. Ele presumiu que Xiao Lin havia visitado sua casa nos últimos dois dias e não incomodou Xiao Lin com isso.

0 visualização0 comentário

Contate-me pelo Discord