Academia de Magos de Elite - Capítulo 156: Despertando

Tradutor: Ydominuss


Xiao Lin sentiu como se tivesse um sonho muito, muito longo. Nesse sonho, sua consciência estava confusa. Seus sentidos e sua consciência eram incapazes de sentir qualquer coisa acontecendo no mundo exterior, como se estivesse preso em um mundo confuso. Ele estava cercado pela escuridão, nem mesmo capaz de ver seus próprios dedos, e estava caindo a uma velocidade assustadora. Ele não sabia para onde estava caindo, mas não podia fazer nada além de esperar e ver em silêncio.


Sua consciência ficou mais confusa quanto mais ele esperou, a ponto de começar a esquecer de si mesmo. Ele sentiu a temperatura ao seu redor caindo constantemente até que ele estava começando a congelar.


Foi apenas até que uma chama em forma de lótus vermelho apareceu quando Xiao Lin sentiu um choque percorrer seu corpo, fazendo com que ele se aproximasse, levantando a mão para tocar as chamas. Era apenas uma pequena faísca que poderia desaparecer na escuridão a qualquer momento.


Xiao Lin agarrou a faísca, mas não o queimou. Um calor se espalhou por todo o corpo de sua palma enquanto ele recuperava lentamente seu senso de si mesmo dentro do frio.


Quem sou eu?


Eu sou Xiao Lin!


De onde eu vim?


Eu sou da Academia Dawn!


Sua consciência constantemente fazia perguntas, e ele constantemente as respondia. Ele sentia sua mente ficar mais clara cada vez que uma pergunta era feita.


Ele ainda estava cercado pelo imenso frio e Xiao Lin protegeu cuidadosamente a faísca em sua palma. Ele tinha a sensação de que, se a chama se extinguisse, ele ficaria preso na escuridão congelante para sempre.


Assim que ele estava recuperando seu senso de identidade, um vento violento soprou ao seu redor enquanto a escuridão sem forma se tornava mais densa. Uma nuvem de escuridão correu em direção a Xiao Lin, como se tentasse extinguir o fogo.


“Seja engolido pela escuridão infinita!” veio uma voz fria e sinistra.


Xiao Lin imediatamente protegeu a chama com seu corpo, mas não resistiu ao ataque da escuridão e do vento. A chama começou a dançar ao redor, parecendo cada vez mais fraca, como se pudesse desaparecer a qualquer momento.


“Morra e entregue este corpo para mim!” A voz na escuridão soou ainda mais violenta.


Xiao Lin era como uma jangada em um oceano de ondas, pronta para ser completamente submersa. Xiao Lin ainda não sabia onde estava, mas havia recuperado a consciência o suficiente para ter uma ideia do que estava acontecendo.


Ele gritou de volta: “Não! Nunca!"


"Morra!"


“Foda-se! Entregando meu corpo a você?! Nunca!"


Xiao Lin gritou uma série de maldições. Era difícil encontrar contrapartes para amaldiçoar palavras em Normês, mas aquele mundo parecia traduzir automaticamente suas palavras.


Parecia haver uma rachadura na escuridão quando a voz gritou em desespero: “Como! Como ainda não tem jeito! Como pode a alma magra de um demônio maligno ser tão forte!”


A voz não parecia ter desistido, mas uma luz branca de repente disparou da escuridão. A escuridão parecia quebrar como vidro em incontáveis pedaços à medida que mais e mais luz entrava.


"Ele! É o poder dele! Como isso é possível! Absolutamente impossível!” A voz soava cada vez mais fraca, até não poder mais ser ouvida.


A escuridão foi completamente superada pela luz, e Xiao Lin de repente sentiu um calor que nunca havia sentido antes. Ele fechou os olhos e sentiu uma sensação de serenidade. Quando ele abriu os olhos novamente, ele notou inúmeros objetos pretos, parecidos com girinos, flutuando ao seu redor. Após uma inspeção mais próxima, eram todas as palavras do antigo normês.


Xiao Lin de repente sentiu que podia reconhecer todas aquelas palavras e uma voz em sua consciência lhe disse para lê-las em voz alta. Ele abriu a boca e leu tudo, acelerando à medida que avançava.


Depois de um tempo indeterminado, ele terminou de ler, e as palavras giraram, juntando-se no meio enquanto lentamente se transformavam em uma silhueta humana. Ele acenou para Xiao Lin, sorrindo enquanto dizia: “Bem, então. Agora é tudo seu.”


"Quem é você?" Xiao Lin perguntou apressadamente.


Antes que ele pudesse obter uma resposta, um poder o levantou e a luz ao redor se estilhaçou até desaparecer.


Em uma neblina, Xiao Lin rapidamente arregalou os olhos quando ficou surpreso por finalmente recuperar seu sentimento, tocando o chão de cristal. Na frente de seus olhos estava uma mulher alerta segurando uma foice de batalha.


"Quem é você?" a mulher perguntou.


“Lilith? Você não me reconhece?” Xiao Lin estava confuso.


"Quem é você?" Lilith repetiu enquanto a foice se aproximava de Xiao Lin.


“Não não não, eu sou Xiao Lin!”


Lilith inclinou a cabeça, olhando para Xiao Lin com seus olhos brilhantes por um momento antes de soltar uma lufada de ar, guardando sua foice de batalha. “Parece que é você. Onde está o velho?”


"Quem?" Xiao Lin pode ter finalmente acordado novamente, mas ele ainda não entendeu bem a situação.


Lilith ficou surpresa, mas mesmo assim resumiu a situação para ele. Xiao Lin estava cada vez mais chocado enquanto ouvia, mas ele finalmente percebeu que a voz na escuridão que queria que ele morresse era Asabanor. Ele os perseguiu até este lugar.


“Ele ainda está em mim?” Xiao Lin perguntou, inquieto.


"Isso não é possível. O feitiço de possessão da necromancia é bastante limitado. Agora que você acordou, a consciência dele não pode mais entrar em seu corpo.”


Nesse ponto, Lilith franziu as sobrancelhas, “No entanto, com base no que você disse antes, aquele velho não desapareceu completamente; ele saiu sozinho. Isso significa que ele ainda pode estar por perto. É uma pena que eu não tenha nenhum feitiço que possa destruir almas. Vou precisar fazer mais alguns cursos quando voltar.”


Xiao Lin de repente se lembrou da silhueta que perfurou a escuridão e suas palavras: “É tudo seu agora.”


Ele não contou a Lilith, já que ele mesmo estava extremamente confuso. Quem era aquele homem? O que ele foi dado?


Ele ainda estava absorto em pensamentos quando Lilith caminhou rapidamente em direção à porta, dizendo com alguma dúvida em seu rosto: “Precisamos sair deste lugar rapidamente! O mundo ficou um pouco estranho.”


Xiao Lin ficou chocado quando ele saiu. Aquele mundo pacífico de alguma forma foi coberto por nuvens escuras e o mundo inteiro ficou assustadoramente escuro. Os verdes luxuriantes ao redor deles haviam murchado. Fosse o que fosse, não parecia muito promissor.


“Como vamos embora?” Xiao Lin perguntou.


Lilith olhou. “Aquele velho disse que as palavras no castelo foram a chave para deixar este lugar, então você precisa se fazer essa pergunta. Não consigo ler o antigo normês.”


3 visualizações0 comentário

Contate-me pelo Discord